Espaço numérico digital destinado à circulação de informações culturais e de idéias provenientes de pessoas e dos afins dos descendentes físicos ou do pensamento de Mathias Simon (*05.05.1788 –+16.04.1866) e que ele materializou, em 1829, na migração com a sua família para a América.

Criação e coordenação de Círio SIMON

WWW.ciriosimon.pro.br

http://profciriosimon.blogspot.com/

ciriosimon@cpovo.net

Trav. Pedro Américo, nº 28 ap.11

CEP 90.555-100 - Porto Alegre - RS


segunda-feira, 9 de maio de 2011

SIMON CULTURAL Complemento 02

CARTA de PASSO FUNDO, 23 de maio de 2004
IIº RAIZES SIMON
 2º ENCONTRO CULTURAL dos SIMON –.


Nos dias 22 e 23 de maio, foi realizado o II RAIZES, no Instituto São Carlos em Passo Fundo. Os Simon de diversas cidades gaúchas e catarinenses, em um encontro que deixou marcas em cada um, debateram cinco palestras apresentadas e a própria entidade. A coordenação dos Trabalhos coube ao prof. Mário Simon, de Santo Ângelo. Já as palestras tiveram a presença de Paulo Henrique Simon, de Florianópolis; Iolanda Simon de Montenegro; Sandra Simon Finger, de Santa Rosa; Adelir Simon de Selbach, e Adolar Simon de Canoas.

Na oportunidade, também foi realizada a Assembléia Geral Ordinária da Associação da Família Simon e Afins, com o relatório das atividades. Também foi aprovada a Carta de Passo Fundo, nos seguintes termos.


Reunidos nos dias 22 e 23 de maio de 2004, na cidade de Passo Fundo (RS), membros da Família Simon descendentes de Mathias Simon, organizados pela Associação da família Simon e Afins, com sede em Porto Alegre, deliberou-se expressar em forma de carta, denominada de Passo Fundo, o resultado das reflexões feitas sobre o tema : “a importância da consciência genealógica” objetivando fortalecer a entidade.

Os presentes divididos em cinco grupos, apresentaram as sugestões e reflexões que seguem:

1 – A organização e a consciência da genealogia traz imensos benefícios para a Família e para a Sociedade. Para a Família, o conhecimento de sei própria e de seus membros, fortalece a união e dá um exemplo de respeito mútuo a outras famílias; para a Sociedade, a organização familiar, a partir da genealogia, refletirá na mesma medida, alicerçando com bases sólidas suas decisões e ações e comportamentos.

2 – Quanto à Família Simon, examinou-se a sua participação atual junto às suas comunidades. Uma constatação é de que pelo menos 60% dos Simon .trabalha na área rural, mas que a tendência é a mesma de todos os brasileiros que se transferem para a cidade em busca de vida melhor. Quanto à participação efetiva nas comunidades, o magistério desponta como importante setor da presença dos Simon. A política foi o segmento como o de menor participação dos parentes. Há ainda a música como forte tendência dos Simon, e que se manifesta em todos os lugares. Outras profissões, como as derivadas do direito, preponderam significativamente. Outras áreas também merecem destaque como as artes, a literatura, a medicina, o rádio e outras.

3 – Quanto aos costumes e valores culturais dos Simon registrou-se a presença dos mesmos nas atividades religiosas como freqüência dos mesmos nas atividades religiosas como frequência a missas, cultos e corais. A maioria dos Simon é católica e cerca de 50 parentes são religiosos (padres e freiras). Já na educação dos filhos, tradicionalmente rígida, perdeu-se essa característica pela influência do meio. Mas ainda prosperam costumes da tradição dos Simon como esconder os ninhos da Páscoa, festas de fim-de-ano, Kerbs, Papai Noel, embora se verificam transformações em virtude, às vezes do parceiro do casal ser de outra origem, então se mesclando os costumes. Na questão da gastronomia, a cuca, a bolacha pintada, ovos com amendoim, pão caseiro, chimia “Keschmier” ( ricota), compotas, conservas e o gosto da mistura do doce e do salgado. Apesar disso, verificou-se que há dificuldade para cultivar os costumes e valores antigos recebidos da Família, principalmente entre os jovens e crianças.

4 – Questionando o que se está fazendo para o fortalecimento da consciência genealógica dentro da Família, afirmou-se que é importante um retomada ampla, mas como a resposta dos descendentes, tanto da atualização do cadastro como do pagamento das anuidades. Sugeriu-se a elaboração de cronograma de atividades anuais/semestrais. Talvez a indicação de um representante dinâmico em cada região contribuísse para a organização. Apontou-se o jornal da Associação (Jornal da família Simon) como fundamental na comunicação, organização e no fortalecimento da consciência genealógica.

Com relação às atividades, o que deve ser mudado é a ênfases dos trabalhos que devem se voltar mais para o cultural, já que as pessoas têm necessidade de saberem quem são, para só então tomarem seu rumo e participarem efetivamente na essência, e sendo as atividades festivas, uma consequência. Mas é através das festas que se chega ao cultural.

5 – Sobre o que os Simon sabem das atividades da Associação da Família Simon e Afins, verificou-se que ela dispõe de poucos membros efetivamente engajados. Há necessidade de mais descendentes trabalhando nos mesmos objetivos. A conscientização é um processo lento, mas que não pode sofrer paradas longas, sob pena de prejuízos enormes na organização. A Família cresce e ainda e ainda não se conhecem 50% de seus membros. Por isso, ações para o crescimento da Associação são cada vez mais prementes, sugerindo-se o emprego de recursos tecnológicos como criação urgente de “sites”; encontros mais freqüentes com atividades para os jovens; acesso fácil aos descendentes à árvore genealógica.

6 – Por fim, o grupo registrou o reconhecimento à Família de Pedro Emanuel Simon, o iniciador da genealogia da família Simon; ao atual presidente Camilo Simone sua esposa Rejane pela fundamental atuação na entidade; aos presidentes que o antecederam. Os presentes ainda confirmaram sua disposição em empenhar-se nas atividades propostas pela atual diretoria, visando o crescimento da Associação

Passo Fundo (RS) 23 de maio de 2004

Relator final – Mario Simon – Santo Ângelo (RS)..

.

FONTE:

IIº RAIZES SIMON – 2º encontro cultural dos Simon – Carta de Passo Fundo“.JORNAL dos SIMON Porto Alegre : Associação da Família Simon e Afins (AFSA) - Nº 24 - julho de 2004 – p. 3

CONVITE para o IIIº RAIZES SIMON

     3º ENCONTRO CULTURAL dos SIMON

28 e 29 de maio de 2011- Passo Fundo - RS
















Veja sumário do BLOG SIMON CULTURAL em:

Nenhum comentário:

Postar um comentário